Caminhar pela cidade é o melhor jeito de conhecê-la. Fazer isso com alguém explicando cada local e pagar pouco por isso é melhor ainda. O free walking tour é o passeio guiado mais barato e o mais legal de todos.

A pioneira do walking tour foi a empresa New Europe, que começou na Europa e hoje está presente em 18 cidades, incluindo Nova York. Atualmente, várias outras empresas fazem esse tipo de passeio juntando pessoas de todas as idades e perfis viajante para percorrer a pé centros históricos de diversas cidades do mundo.

A proposta desses passeios é caminhar pela cidade e conhecer os principais pontos turísticos. O guia geralmente é carismático e cheio de histórias para contar. Além de te dar muitas dicas sobre cultura, comida, lazer, transporte público e o tudo o que você quiser saber e ele souber responder, por um preço que cabe no seu orçamento.

A ideia é você pagar o quanto pode ou o quanto acha que valeu. Para os viajantes que contam moedas para “viver”, centavos serão bem-vindos! Já para quem tem mais dinheiro, alguns dólares farão a diferença. Se você estiver esbanjando riqueza, contribuirá para a caixinha no final do mês. E se você realmente não tiver nenhum dinheiro, não precisa deixar gorjeta, mas compartilhe essa experiência pois o boca a boca é a melhor propaganda e de alguma forma você estará contribuindo.

free walking tour

foto: divulgação

Geralmente, os guias são estudantes locais ou de outras nacionalidades que moram na cidade e querem aumentar a renda para viver. Eles passam por um rápido treinamento na própria empresa e levam milhares de pessoas à uma imersão de história e cultura.

Dependendo da cidade, tem até em português. Mas o comum é inglês e espanhol. Se seu inglês for precário, o passeio em espanhol vai te ajudar bastante! Se não souber muito bem espanhol, fale para ele que você não sabe a língua fluente, mas que entende se ele falar bem devagar. Ele o fará com um enorme prazer, afinal, ele quer te agradar de qualquer jeito.

No Brasil, esse conceito de turismo está começando. Encontramos seis cidades que fazem o passeio: Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Recife, Porto Alegre e Paraty-RJ. Se você souber de outra cidade aqui do Brasil ou de qualquer lugar do mundo, avisa pra gente nos comentários para atualizarmos a lista. 🙂


Como funciona o Free Walking Tour?

Têm walking tour todos os dias, de manhã e à tarde (às vezes à noite, dependendo do tour), mesmo aos sábados e domingos. Em algumas cidades têm mais de três guias fazendo o mesmo passeio.

No ponto de encontro (geralmente em uma praça famosa ou hostel) das cidades é onde o passeio começa. Os guias ficam com camisetas ou guarda-chuvas coloridos, super fácil de localizar. Você tem que chegar pelo menos 10 minutos antes do horário predeterminado da língua escolhida para preencher um pequeno cadastro. Algumas empresas dão um mapa da cidade, mas eles também podem ser pegos nas recepções dos albergues.

Em média, têm duração de 3 horas e você percorre a pé as principais atrações turísticas da cidade com um roteiro definido por eles. A maioria das empresas fazem o mesmo percurso, o que as diferenciam são os guias: uns mais legais que outros.

Se você não gostar do guia, pode dar meia volta e ir embora. Se gostar, no final do tour você dá uma gorjeta.


Quais são os tipos de passeios no Free Walking Tour?

Os passeios são de vários tipos e depende muito da empresa ou da cidade que você visita. Em Amsterdam, por exemplo, você pode escolher entre o tour pelo centro histórico, pela Red Light Street, ou fazer um bike tour. Em Praga, tem um tour específico pelo Castelo de Praga. Em Berlin, você pode fazer o tour apenas nos locais onde passava o Muro de Berlim, por exemplo.


Como contratar o Free Walking Tour?

Não existe contrato formal. Você chega ao ponto de encontro e diz que quer fazer o passeio em tal idioma. Ele anota o seu nome (ou não) e pronto.

Para saber onde é o ponto de encontro da cidade visitada, é só perguntar na recepção do albergue ou hotel que eles informam onde eles se concentram.

Alguns walking tour têm site e você pode reservar online pagando uma pequena taxa de mais ou menos 3 €. Mas não recomendamos muito para quem gosta de ficar mais livre durante a viagem, pois isso pode deixar você preso naquele dia.


Por que fazer um walking tour?

Porque é barato, porque você conhece a cidade de um jeito diferente, porque recebe dicas superlegais e porque você conhece um monte de turistas de todos os lugares do mundo e pode até combinar outros passeios juntos ou então formar uma amizade e levar para a vida toda. Serve para todos os tipos de viajantes!


Free Walking Tour espalhados pelo mundo

Para facilitar sua busca, fizemos uma lista com as empresas que fazem o passeio e também as resenhas do Az.Wanderlust e de outros blogueiros de viagem para você escolher o walking tour que mais combina com você!

  • A lista está em ordem alfabética. É só clicar no nome das empresas que você será direcionado ao site delas.
  • As cidades que nós aqui do blog já experimentamos os walking tours está em vermelho e no mapa acima.
  • As resenhas que já escrevemos e outras em português de blogueiros de viagem está entre parêntesis.

Cidades com a letra A

Cidades com a letra B

Cidades com a letra C

Cidades com a letra D

Cidades com as letras E, F e G

Cidades com a letra H

Cidades com as letras I, J e K

Cidades com a letra L

Cidades com a letra M

Cidades com as letras N e O

Cidades com a letra P

Cidades com as letras Q e R

Cidades com a letra S

Cidades com as letras T e U

Cidades com a letra V

Cidades com as letras W e Z


Talvez você também goste de: